As empresas prevêem um aumento de 6,5% das exportações de bens em 2022

12-01-2022

"As empresas esperam um aumento nominal de 6,5% nas exportações de bens em 2022 em relação ao ano anterior", revelou o INE (INE).

As empresas estão confiantes de que 2022 será um ano de forte recuperação, após dois anos da crise pandémica. As suas perspectivas são de que as exportações de bens irão crescer 6,5% este ano em comparação com 2021, de acordo com o INE (INE).

"As empresas esperam um aumento nominal de 6,5% nas exportações de bens em 2022, em relação ao ano anterior. As perspectivas das empresas apontam para um aumento de 7,7% nas exportações para países extra-comunitários e um crescimento de 6,0% nas exportações para países intra-comunitários", anunciou o Instituto de Estatística.

Se as perspectivas das empresas forem confirmadas, as exportações de bens em 2022 serão superiores às registadas no período pré-pandémico.

"Em termos de Grandes Categorias Económicas (BEC), destacam-se as exportações de Bens de Capital (excepto equipamento de transporte), e respectivas peças e acessórios (+9,3%) e Alimentos e bebidas (+5,3%)", acrescentou o INE.

Para o ano 2021, as previsões para a evolução das exportações terão crescido 13,5%, após a queda de 10,3% registada em 2020.

Fonte: AICEP